quarta-feira, 9 de maio de 2012

metáforas miragens

Isadora Predebom

Isadora miragem agora
metáfora virá depois
nos girassóis dos cabelos
na pluma da tua fala
daquilo que bem-te-vi
nas pétalas do bem-me-quer
nos olhos dessa menina
bebo da água que houver

cezane não pintava flores

cezane não pintava flores
montado em seu cavalo alado
despejava tintas
no corpo da mulher amada
com os pincéis encravados
entre as coxas
transformou hollandas
em quintais de vento
re-inventou o tempo
na hora de pintar

artur gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário