sábado, 18 de janeiro de 2014

Artur Gomes no 27 PSIU Poético


Artur Gomes no 27 PSIU Poético
interpretando Torquato neto e Paulo Leminski
Montes Claros-MG – outubro 2013

Agora não se fala mais
Agora não se fala nada
Toda palavra guarda uma cilada





CarNAvalha
Torquato Neto Re-Visitado


falso fausto é todo aquele
que te defende pela frente
e te ataca pelas costas
odeio falsidade bosta
estou dando adeus desta cidade
procurando outras pessoas
encontrando outros poetas
o meu poema não tem nenhuma
linha reta
tenho só sagaraNAgens
no projeto escriDuro
meu verbo é foda na boneca
"eu sou a mosca que pousou na sua sopa"
- sou o passado do presente
pra desafinar o seu futuro


Artur Gomes


Leve um homem e um boi ao matadouro o primeiro que berrar é o homem, nem que seja o boi – Adeuzão (Torquato Neto)




Fulinaíma Produções – 
Cine Vídeo Teatro Poesia – 
Oficinas - Mostras - Performances –

quando olho nos olhos
sei quando uma pessoa
está por dentro ou está por fora
quem está por fora
não sustenta um olhar que demora
diante do meu centro
este poema me olha

Paulo Leminski
http://www.youtube.com/watch?v=29ar8LdbF9s&feature=youtu.be

Oficina de Poesia Falada e Produção de Vídeo
Fulinaíma Produções

Nenhum comentário:

Postar um comentário